3 de outubro de 2008

85. ATÉ QUANDO?

Senhores. Fica até difícil de dizer alguma coisa. A marginalidade está nos caçando. É na viagem de ônibus para casa. É em serviço. Eles atacam sem medo. Sabem que ficarão impunes. Sabem que, mesmo se forem pegos e presos, serão rapidamente libertados. Por isso estou sempre de luto.

MUDANÇA NO CÓDIGO PENAL JÁ!
PENA DE PRISÃO PERPÉTUA PARA ASSASSINO DE POLICIAL JÁ!
SENÃO PENA DE MORTE!
VIVA MEU RIO DE JANEIRO! CAPITAL CULTURAL PARA TURISTA VER!
VIVER AQUI PARECE PIADA DE MAU GOSTO. SER POLICIAL ENTÃO NEM SE FALA.

DEUS NOS AJUDE.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Quando o Estado abandona seus servidores, deixando-os à mercê do outro lado, é porque, muito provavelmente, o Estado está do outro lado"

Giovanni Falcone, Juiz italiano especializado em processos contra a máfia siciliana Cosa Nostra.

"Uma sociedade é livre na medida em que propicia o choque de opiniões e confronto de idéias. Desses choques e confrontos nasce a Justiça e a Verdade, garantido o progresso e auto-reforma dessa sociedade".

Stuart Mill

“A injustiça que se faz a um é uma ameaça que se faz a todos”.

Barão de Montesquieu

"Aqueles que planejam o mal acabarão mal, porém os que trabalham para o bem dos outros encontrarão a felicidade"

Provérbios 12.20