PESQUISAR ESTE BLOG

16 de dezembro de 2011

ENQUANTO A PM-RO ESTÁ EM GREVE NA LUTA POR MELHORES CONDIÇÕES DE TRABALHO...

...A PMERJ continua trabalhando firme, como se recebesse um salário astronômico, um regulamento amparado à luz da CRFB/88 e com todos os direitos inerentes à profissão policial. Às vezes chego a pensar que eu é que estou errado, dando murro em ponto de faca e colocando minha disposição à prova de pessoas desencorajadas ou até mesmo, impossibilitadas, seja qual for o motivo, de lutarem pelos seus direitos. Se cansa? Sim.

Vejo alguns oficiais "baixando o cacete" em passageiros que estavam supostamente destruindo o ramal de trens de Oswaldo Cruz e me pergunto: Até quando? Até quando vamos ficar assistindo este jogo de empurra, liderado pelos nossos Chefes, Direitores e Comandantes, em face de um sistema do qual são marionetes quebradas, dependuradas por alguns fios emendados? Simplesmente eu não sei dizer. Obviamente se eu soubesse a resposta, eu diria. Até patentearia.

Vez ou outra vejo os bombeiros, lutadores de uma causa ímpar que, diferente de seus "irmãos", acomodaram-se num mar de gratificações temporárias, deixando-se serem comprados como prostitutas mal pagas. Por que senhores, continuamos mortos e apáticos, enquanto os guerreiros do fogo lutam por seus direitos? Porque não conseguimos nos unir a causa deles que, diga-se em breve passagem, é também a nossa causa? Será que as gratificações são a resposta? Os cargos comissionados estão falando muito alto? As promoções a Coronel Full também? Lamentável realidade. Os Jogos Olímpicos e a Copa do Mundo se aproximam e ficamos aqui, esperando pelo bizú da queda do interstício e pela solução do problema das promoções dos 2º SGT PM. Esperando. Espera essa que fatalmente nunca irá concretizar-se em realidade.

Enquanto isso o tempo vai passando, passando... E o indivíduo é promovido a Cabo PM. "Opa! Beleza! Só mais 7 anos e 'saio' Sargento!" Nesse interim, um oficial alcança, na pior das hipóteses, o posto de Major PM. Sem fazer força. Sem ter que "confirmar divisa". Que piada de mal gosto...

Então continuamos aqui, vendo outros co-irmãos lutando e nós, somente suportando. Mas e eu? Bem, depois de tanto estudar, é fato que mais dia, menos dia, a coisa iria acontecer. "Quem é sabe!" Eu estudei. É a única dica que eu posso deixar para os irmãos: Estudem. E libertem-se deste sistema escravagista e autocrático.


8 comentários:

  1. CB BM CLAUDIO.
    É IRMÃO, REALMENTE A PMERJ É COMPLICADA. NÃO CONSIGO ENTENDER, SÃO BRABOS, DESAFIAM A MORTE NAS FAVELAS, E ACEITAM SER TRATADOS COMO "NADA".
    TUDO BEM, O POLICIAL TEM QUE MANTER A ORDEM. MAS COMO MANTER A ORDEM QUANDO NÃO SE TEM DIGNIDADE. GANHA MAL, MORA MAL, VIVE MAL. AGORA QUANDO NÓS BOMBEIROS TEMOS A CORAGEM DE RECLAMAR NOSSOS DIREITOS, CADÊ OS BRABOS! RECLAMAR PELO QUARTEL, NO RANCHO, EM CASA É MOLE. FALTA AUTO-ESTIMA, FICO DESANIMADO. MUITAS VEZES DURANTE OS SERVIÇOS DE ROTINA, QUANDO ENCONTRO O "POLICIAL", NÃO SEI O QUE CONVERSAR. NÃO É DESPREZO, O SENTIMENTO É DE DESALENTO. É TRISTE, MUITO DESANIMADOR O COMPORTAMENTO DOS POLICIAIS.
    VALEU OLIVEIRA, E DESCULPE SE ESTOU SENDO DESELEGANTE.

    ResponderExcluir
  2. Este espaço é seu, nobre CB BM Cláudio. E seu comentário não foi deselegante de forma alguma. Este comportamento, que como você disse, causa desalento, é o sentimento que eu sinto todos os dias ao conversar com um amigo PM. É insuportável. É como se estivessem presos psicologicamente; estão presos mas não sabem disso. Como se fosse uma espécie de Matrix. E para se libertar dela, somente o conhecimento da verdade, que na maioria das vezes, é cruel.
    Seja sempre bem vindo e obrigado pelo comentário nobre amigo servidor. E parabéns pela garra e disposição da sua Corporação na luta para se libertar desta Matrix.

    ResponderExcluir
  3. Um protesto de policiais militares e bombeiros em Fortaleza, na manhã deste sábado (17), terminou em tumulto. Ao saberem que o governador Cid Gomes (PSB) estava vistoriando uma obra próxima ao local da manifestação, os participantes decidiram ir ao encontro do governador. Pedras e garrafas pet foram jogadas no carro conduzido por Cid Gomes.


    http://g1.globo.com/ceara/noticia/2011/12/governador-do-ceara-visita-obras-e-acaba-em-tumulto-com-militares.html

    ResponderExcluir
  4. Acredito que essa promessa de redução do intertício para os praças da PM e BM.E tb o boato aumento de salário no início do ano de 2012.Acalmaram os praças.

    ResponderExcluir
  5. Caro amigos, ordem? que ordem? é fácil dizer que é preciso estabelecer a ordem quando os que a buscam, na verdade estão do outro lado.A ordem precisa se estabelecida nos escalões mais altos do sistema, eu gostaria de ver é uma tropa do batalhão de choque entrar no FóRUM e descer a lenha na juizada quando eles fazem greve por melhorias de salário e condições de trabalho?quero ver vc policial militar entrar no gabinete do seu CMt e tentar por ordem na casa pq ele é corrupto? na verdade somos todos frutos de um sistema que ao longo dos anos danificou a nossa memória e nos fez esquecer quem somos e de onde viemos. somos cidadãos em 1ºlugar, que devemos ter o bom senso de saber o que é certo e errado apoiar ladrão= errado lutar por direitos= certo a segurança publ. do nosso estado é para ingl.ver chega vamos mostrar que não somos uma tropa de "BURROS" somos guerreiros.
    cb bm anderson

    ResponderExcluir
  6. CB CLAUDIO.
    A PMERJ ME LEMBRA O LIVRO VII DE PLATÃO, "ALEGORIA DA CAVERNA", REALMENTE ESTÃO PRESOS, OBSERVAM APENAS AS SOMBRAS, E TÊM MEDO DO "NOVO", OU SEJA, TEMEM A LUZ E VIVEM EM CORRENTES IMAGINÁRIAS. É UMA PENA.
    VALEU OLIVEIRA!!!!

    ResponderExcluir
  7. Policia não faz questão de aumemto !!! êles querem a propina é muito mas que o salário.Culpa de quem ? do desgovernador.

    ResponderExcluir
  8. Enquanto isso o policial recém formado e que já atua, fazendo prisões, abordando suspeitos, mostrando a cara realmente, continua desarmado em seu horário de folga porque administração de sua unidade perde os documentos de pedido de compra de arma ou simplesmente engaveta-o. Para adquirir a arma o policial precisa de autorização para compra (vinte dias úteis), após ela sair e de posse da nota fiscal da arma que ele tem que pagar adiantado, da entrada no CRAF (três meses), ou seja, ele já comprou a arma e não pode retirá-la da loja até o CRAF sair, após adquiri-lo volta a loja para retirar a sua arma, volta a administração e pede para incluir no seu RG o número da arma. Pronto (sete meses depois de formado) agora ele pode se defender.
    Até quando?
    Eussnes

    ResponderExcluir

"Quando o Estado abandona seus servidores, deixando-os à mercê do outro lado, é porque, muito provavelmente, o Estado está do outro lado"

Giovanni Falcone, Juiz italiano especializado em processos contra a máfia siciliana Cosa Nostra.

"Uma sociedade é livre na medida em que propicia o choque de opiniões e confronto de idéias. Desses choques e confrontos nasce a Justiça e a Verdade, garantido o progresso e auto-reforma dessa sociedade".

Stuart Mill

“A injustiça que se faz a um é uma ameaça que se faz a todos”.

Barão de Montesquieu

"Aqueles que planejam o mal acabarão mal, porém os que trabalham para o bem dos outros encontrarão a felicidade"

Provérbios 12.20