PESQUISAR ESTE BLOG

19 de julho de 2010

QUEM NÃO TRABALHA NÃO ERRA E QUEM NÃO ERRA...

Coronel Príncipe afirma que não errou ao realizar a ação em Costa Barros

 Operação, que resultou na morte de aluno dentro da sala, gera polêmica dentro da corporação

Rio - Responsável pela operação policial nas favelas da Quitanda e Pedreira, em Costa Barros — onde o menino Wesley Guilber de Andrade, 11 anos, morreu atingido por tiro dentro da sala de aula do Ciep Rubens Gomes, na manhã de sexta-feira — o ex-comandante do 9º BPM (Rocha Miranda), coronel Fernando Príncipe, lamenta a morte dele, mas defende que as operações sejam mantidas: “O Ciep é irrelevante. Se não houver Ciep, haverá uma casa, uma fábrica. Mas o pior é não realizar operações”.   
LEIA MAIS EM ""O DIA ON LINE"  CLICANDO NO LINK DESTE POST.
 ------------------------------------------------------------------------------------------

Meu nobre Coronel Princípe: Porque o Sr. não adotou o nosso lema, o lema que nós praças usamos para não sermos afugentados por este regulamento retrógrado e desgraçado:
"Quem não trabalha não erra e quem não erra não é punido!"
No caso do Sr. estamos ciente que este regulamento não incidirá, mas que como bem sabemos agora não restará outra saída a não ser ir para a "geladeira" da PMERJ não é mesmo?

Sempre acreditei no estilo de combate que o Sr. utiliza e, em áreas predominantemente dominadas pelo tráfico, como a que o 9º BPM abrange, este tipo de operação se faz necessária sim. Os riscos existem e certamente hora ou outra um inocente vai tombar, como  o Sr, bem disse. É uma guerra, afinal.

Mas, caro Cel Princípe, esta guerra não é nossa. Não somos pagos para isso. "Você", eu, nosso CMT Geral, todos nós, somos um robozinho, movido a pilha recarregada, uns com mais carga, outros com menos, controlados e manipulados pelo caro e nobre governador. É assim. A política no controle da polícia.

No tocante à missão realizada? Um sucesso, até o inocente ser baleado. "Até". Após este ponto, uma tragédia. Esperava apoio dos seus superiores hierárquicos? Enganou-se. Assim como nós praças nos enganamos diariamente com esta divisão interna que é mantida graças ao militarismo. Vocês com a sua polícia, nós com a nossa. Não pense que não temos a nossa parte. Temos sim!

Bem Cel. Princípe. Aproveite para falar o que sente, já que não haverá represálias por parte deste famigerado R-9. Aproveite também para refletir sobre a sua Instituição, da qual tanto se esforçou para defender. Será que realmente valeu a pena? 




2 comentários:

  1. Eh meu amiguinho tá sentindo na pele o que sentimos todos os dias.
    Injustiça, desvalorização, hipocrisia e conchavo político.

    ResponderExcluir
  2. É cel..."Quem com ferro fere, com ferro será ferido" O Sr. já puniu tantos praças, não é mesmo? agora o Sr. sabe o que eles sentiam quando tinha que responder um DRD. A diferença é que os praças nunca são CMT de BOPE e nem tão pouco andam de porche de 65% de R$ 1.000.000,00 (1 minhão) de rais.

    ResponderExcluir

"Quando o Estado abandona seus servidores, deixando-os à mercê do outro lado, é porque, muito provavelmente, o Estado está do outro lado"

Giovanni Falcone, Juiz italiano especializado em processos contra a máfia siciliana Cosa Nostra.

"Uma sociedade é livre na medida em que propicia o choque de opiniões e confronto de idéias. Desses choques e confrontos nasce a Justiça e a Verdade, garantido o progresso e auto-reforma dessa sociedade".

Stuart Mill

“A injustiça que se faz a um é uma ameaça que se faz a todos”.

Barão de Montesquieu

"Aqueles que planejam o mal acabarão mal, porém os que trabalham para o bem dos outros encontrarão a felicidade"

Provérbios 12.20