PESQUISAR ESTE BLOG

12 de janeiro de 2009

PMERJ - A MAIOR VERGONHA DO BRASIL

Abaixo trascrevo pequeno trecho contido na Nota de Instrução Nº 13, publicada no BOL PM Nº 90 de 25 de Julho de 1991:


PRINCÍPIOS BÁSICOS PARA UMA POLÍCIA DEMOCRÁTICA

Tradicionalmente encarregada da aplicação das leis e da manutenção da ordem pública, a Polícia sempre foi um organismo estatal com características peculiares, que a distinguem dos demais setores, cujo conjunto se denomina comumente "administração da justiça". A principal delas é a de encontrar-se constantemente em contato direto, não só com a realidade criminal (crime e criminoso), mas também com o público em geral. A polícia é, por isto mesmo, uma instituição social, cujas origens remontam às primeiras aglomerações urbanas. É uma das formas mais antigas de proteção social e o principal modo de expressão da autoridade. Encontra-se, pois, intimamente ligada à sociedade que a criou e seus objetivos, sua forma de organização e suas funções precisam adaptar-se às características socio-políticas e culturais da comunidade em que atua. O seu valor dependerá da capacidade que mostre em adaptar-se às mudanças que experimenta a sociedade. (GRIFO MEU)

Caros senhores. Percebam que esta nota de instrução (para os visitantes civis, a Nota de Instrução é um texto de ensino, instrutivo, publicado eventualmente, para ser lido em nossas paradas diárias?!? e fixado em quadro de avisos para conhecimento de todos) diz aquilo o que é PLENAMENTE IGNORADO por nossos governantes e nossos superiores hierárquicos estrelados (oficiais).

É irônico. Como podem publicar um texto com um teor desses? Claro, já faz 19 anos. Mas eu gostaria muito de poder acreditar nisso. Que os "Grandes" pensam realmente desta forma. E querem ou estão fazendo algo para mudar.

Sabemos que a PMERJ está prestes a completar 200 anos. E mesmo com todo este tempo a instituição teima em continuar atrasada e atravancada. Vemos que nossos oficiais odeiam a PMERJ e fazem de tudo para se livrar dela. Aliás, os oficiais da pobre briosa são os que mais correm dela. As praças, que não têm muita opção, são obrigados a se manter no meio da escória. A corporação está podre. Agonizante. Já estou imaginando a carinha do Governador, com aqueles risinhos cínicos e debochados e seus seguidores comprados (223%) lambendo seu pé, ou melhor, a sola de seu sapato, nas comemorações de 200 anos. A sola do sapato porque o Cabral odeia PM's, de Soldado a Coronel e jamais deixaria um policial militar enconstar nele.

Acredito que neste momento todas as polícias militares do Brasil passam por um momento de agonia profunda. Até mesmo a PMDF, que tem um salário razoavelmente compatível com a função policial. É a melhor. Não há dúvida sobre isso. Mas mesmo assim....Ainda é militar.

Está na hora de mudar. Já passou da hora até. As polícias estão ultrapassadas, velhas, caquéticas. São odiadas pela sociedade e são o lixo do lixo da ralé. A PMERJ, imaginem então caros senhores. A lanterna! A vergonha máxima! Um lixo! Tudo antigo e baixo: regulamento, salário, organização (inexistente). A vida humana é tratada como gado para abate (por tudo e por todos). Por mim, o Rio de Janeiro poderia ser implodido agora mesmo, com as favelas, com o Palácio Guanabara (com o Governador dentro, claro), com os oficiais superiores (só tiraria um ou dois no máximo) e com toda a PMERJ somando-se ainda, a esta população mal-educada, mal alimentada e cegamente mal instruída pela mídia suja e corrupta.

Enquanto formos militares, enquanto a população for mal-educada, enquanto houver favelas, enquanto houver traficante, enquanto houver flanelinha e pedinte, enquanto houver oficial superior, enquanto houver político corrupto...Ihhh....É senhores.... Estamos f..... mesmo. Será que ainda tem jeito?

Só Deus. Estão dizendo que 2012 é o último ano, segundo o calendário Maia. Obviamente, é mais um conto para vender notícia mas, se o fato se concretizar...Má coisa não seria. A Terra iria agradecer. E muito.

DEUS, OLHAI POR NÓS.
MISERICÓRDIA DA ALMA DO SOLDADO.
PERDÔE-NOS POR TERMOS APUNHALADO SEU FILHO NA CRUZ. ESTÁVAMOS RECEBENDO ORDENS... DE OFICIAIS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Quando o Estado abandona seus servidores, deixando-os à mercê do outro lado, é porque, muito provavelmente, o Estado está do outro lado"

Giovanni Falcone, Juiz italiano especializado em processos contra a máfia siciliana Cosa Nostra.

"Uma sociedade é livre na medida em que propicia o choque de opiniões e confronto de idéias. Desses choques e confrontos nasce a Justiça e a Verdade, garantido o progresso e auto-reforma dessa sociedade".

Stuart Mill

“A injustiça que se faz a um é uma ameaça que se faz a todos”.

Barão de Montesquieu

"Aqueles que planejam o mal acabarão mal, porém os que trabalham para o bem dos outros encontrarão a felicidade"

Provérbios 12.20