1 de março de 2014

TABELA SALARIAL PMERJ - APÓS REAJUSTE DE 11,18%




Observação:
Adotado o precentual máximo para triênio e IHP em cada posto/graduação para fins de ganhos finais.

Bases de Cálculo
IHP ATIVO: 75 a 160 % sobre o soldo (Art. 18 da Lei 279/79)
GRET ATIVO: 122,5 à 192,5% sobre o soldo (Art. 19 Lei 279/79)
AUXILIO MORADIA: 107,5% sobre o soldo (Art. 4º da Lei 658/83 - NR da Lei 6.162/12)
GTS (TRIENIO): INCIDE NAS 3 GRATIFICAÇÕES ACIMA + SOLDO

Gratificações/Indenizações por Atividade
AUXÍLIO TRANSPORTE: R$ 100,00 (Art. 5º da Lei 6.162/12)
POEPP (GTPP): R$ 350,00 (Art. 8º, do Dec. Nº 42.047/09)

Gratificações por Lotação
GEE (BOPE): R$ 1.000,00 (Dec. Nº 41.714/09)
UPP: R$ 750,00 (Art. 7º, Dec. Nº 44.177/13)
GEE (CHOQUE): R$ 1.000,00 (Art. 1º, Dec. Nº 43.135/11)

DESCONTOS
RIO PREVIDÊNCIA 11% (EM CIMA DE: SOLDO + IHP ATIVO + TRIÊNIO)
FUNDO DE SAÚDE 10% (EM CIMA DO SOLDO)

Caso haja divergências, gentileza relatar aqui neste post. Esta tabela ficará fixa ao final do blog até que sofra nova aleração.

23 comentários:

  1. Liquido? E o imposto de renda?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Líquido... Como o IR incide para todos nesta imensa Nação e não é uma questão somente do Estado do RJ...E também, para que não fiquemos mais tristes ainda...

      Excluir
  2. Bom dia Sr Cabo de Oliveira, senhor pode me informar se haverá mais algum reajuste até o final do ano, caso tenha, vai ter mais reajustes até quando(e quanto)? E por fim, desse salario liquido deve se descontar apenas o IR ou tem outro desconto? Obrigado, fé na missão! Fique com Deus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá nobre amigo!
      Há descontos além do IR. Estão na tabela: Fundo de saúde e o Rio Previdência. O Fundo de Saúde é possivel a sua retirada, mediante acionamento do Judiciário. Entretanto, eu não recomendo. Por experiência própria.
      Grande abraço.

      Excluir
    2. E não haverá mais reajuste. Pelo menos não há previsão. Nem em lei, muito menos em boato (informes).

      Excluir
  3. A desmilitarização da Polícia Militar é um equívoco , esse é o projeto do PT para tomar o controle de vez do País e mergulha-lo num caos . É o projeto do Foro de São Paulo , ocorreu nos mesmos moldes na Venezuela alguns anos atrás e hoje vemos o país mergulhado no caos graças aos Chavismo e suas milícias . Contra a desmilitarização da PM !

    ResponderExcluir
  4. Bom dia Oliveira, tenho escutado bastante de Policiais de divesas OPMs sobre um aumento que o Governador Pezão possivelmente dará no mês de Junho para as forças de segurança. O boato é de que este aumento será de pouco mais de 18%, para que tenhamos com este aumento o montante de 30% quando somado ao concedido em Fevereiro. Fala-se muito também sobre a alteração do decreto de promoção da PMERJ, onde especula-se uma diminuição no tempo de promoção, tanto dos Oficiais o quanto das Praças.

    Caso o nobre colega saiba algo sobre a súmula 33 do STF que regula o tempo de serviço da classe para 25 anos, gostaria que viesse a esclarecer tal assunto!

    Outro assunto é referente a escala de serviço na PMERJ, que vem sendo discutida na ALERJ e no MP do RJ. Caso saiba algo concreto, aguardaremos suas postagens!

    Agradecidamente,

    Aniel Reymão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite nobre Ariel Reymão! Eu é que agredeço a visita e os questionamentos! Vamos lá!

      Primeiramente, é sim, verdade, que o Governo do Estado na figura do "Ilustríssimo" Pezão está sinalizando com um aumento no mês de Junho. Obviamente que não pelo fato do mesmo ser bonzinho mas, pelo receio de um descontentamento viral sobre as forças de segurança fluminense, tendo em vista as recentes greves das Polícias Militares de alguns Estados. Esse temor é que poderá vir em nosso benefício. Triste saber que poderemos ser agraciados por fato negativo, e não por vontade de valorização do profissional como primeira intenção. Com relação ao percentual não há nada de concreto. Mas é bem possível algo acima de 12%. Aliás, o percentual é mera especulação. O aumento sim é tido como verdade nos corredores. Mas lembre-se que não há nada preto no branco. Logo, não deposite 100% de sua confiança nisso.

      Com relação ao tempo de contribuição para os servidores de segurança pública, o entendimento sumulado (e vinculante) nº 33 da Corte Superior mencionado pelo nobre visitante não enseja o direito de aposentadoria com 25 anos. Não. O entendimento não é esse. A súmula diz que deverá incidir o regime geral de aposentadoria para os servidores com aposentadoria especial. O regime geral é aquele previsto no art. 40, §4º, inciso III da CRFB/88. Logo, não confuda os assuntos! Tempo para aposentadoria é uma coisa e regime previdênciário é outra! Quem me dera aposentar com 25 anos. Aliás, se eu pudesse me aposentaria hoje! (brincadeira, rs)

      Finalmente com relação as escalas da PMERJ, estas sim, estão sendo discutidas na ALERJ, sob pressão do Ministério Público e alguns parlamentares, como nosso grande "defensor público",o Dep. Estadual Flávio Bolsonaro. Este, inclusive, é o único parlamentar que "bota a cara" com o objetivo de defender os nossos interesses.

      Eu fui à uma audiência pública e tinha Oficial dando soco na mesa. Eles não querem perder o poder. Mas pelo visto não há como voltar atrás (tendo em vista as recentes arbitrariedades, como o RAS compulsório) e será definida uma escala, por meio de Lei. Pelo que me parece, deve prevalecer a mesma da CBMERJ (24x72). Mas as discussões estão no meio do caminho e muita coisa vai rolar ainda. Quando eu souber de algo realmente concreto postarei aqui, com detalhes e comentários.

      Agradeço novamente a visita,

      Abraços.
      De Oliveira - CB PM

      Excluir
  5. Nobre CB PM, primeiro gostaria de parabeniza-lo pela lucidez das suas colocações. Quanto à sumula 33, ela realamente não contempla os Policiais militares, pois pacifica o entendimento sobre aqueles que pleiteiam a aposentadoria especial, com fulcro no Art 40, §4º, inciso III (aqueles que exercem atividade em condições especiais que prejudiquem a saúde ou a integridade física), não abrangendo os casos do Inciso II (os que exercem atividade de risco) ou o inciso I (os portadores de deficência). Contudo, listados entre os precedentes, encontram-se Mandados de Injunção (MI) de um Delegado e de um Policial Civil de SP. Além de alguns portadores de deficiência. Não conheço pormenores dos casos, mas fiquei na dúvida.

    ResponderExcluir
  6. Gostaria de tirar uma dúvida, por que nos sites que falam sobre o concurso CFSd 2014 informa o salário como 2900?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      O primeiro e principal motivo é simples: eles querem vender jornal e buscar assinantes!!

      O segundo é que os redatores, escreventes, escrivães, (sei lá o que na verdade são! Só não são jornalistas, não é mesmo! rs) somam todas as gratificações existentes e pronto. Como se as gratificações temporárias fossem a remuneração básica do servidor militar.

      E só para começar, eu e você sabemos que a espécie remuneratória do militar é o soldo. Então, um "salário" de um soldado na verdade nem chega aos 600 reais. O resto é gratificação. Mesmo que fixa, continua sendo gratificação. Claro que estou sendo bem direto. Mas se formos levar ao pé da letra...

      Há uma tabela no final deste blog, com a remuneração REAL atualizada. Dê uma conferida.

      Grande abraço!

      DE OLIVEIRA

      Excluir
  7. Olá CB de oliveira, fui aprovado recentemente no concurso para o CFO 2014. Vc sabe me dizer como é a rotina do oficial depois de formado? Caso eu queria integrar o choque ou o bope preciso antes cumprir tempo de experiência policial? Um grande abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      E parabéns!

      Meu nobre,
      A polícia do oficialato é um mundo completamente diverso. Eu diria que você pode (quase) tudo.
      E, Ah... Sábado tem exame antropométrico e físico no CFAP dos bombeiros e Domingo tem psicológico...

      Mas vamos a sua pergunta propriamente falando...

      Para ir para o Choque ou Bope, como Oficial, não há dificuldade. O que terá que esperar é a abertura do edital para o concurso interno.

      Em média, são três cursos anuais para cada unidade especial supracitada. Com exceção do Curso de Operações Especiais (COEsp), que costuma ter 1 por ano somente.
      E geralmente, para Oficial, não há insterstício e/ou experiência mínima.

      Até sábado...

      Grande abraço meu amigo,

      DE OLIVEIRA
      CB PM

      Excluir
  8. Bom dia Cabo De Oliveira, minha continência. Sou Sd do EB, gostaria de parabenizá-lo pelo trabalho !
    Recentemente prestei o cursou para CFSD 2014 da PMERJ, tenho 18 anos , não possuo CNH me falta 1 ano pra terminar o ensino médio que deixei de concluir por conta da incorporação no EB, estou "correndo" contra o tempo para estar em dia com todas as exigências do concurso. Gostaria de saber se existe a possibilidade de eu conseguir concluir tudo isso antes de ser chamado (caso eu consiga uma boa classificação), afinal, não fui tão mal na prova !

    Um grade abraço,

    ASSUMPÇÃO,
    SD EB !

    Braço forte, mão amiga !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite combatente EB! Minha continência!

      Uma coisa é certa: CNH só no ato da matrícula; ou seja, no ato do juramento à bandeira, que é o ato de nomeação do militar. A questão é que a PMERJ não concede isso de "bom grado", sendo necessária a impetração de mandado de segurança. Mas fique tranquilo que isso é certo. Só na minha rua dois colegas utilizaram o MS para assegurar a vaga. E durante o curso de formação de soldados apresentaram a CNH. Resumindo: com Mandado de Segurança você garante a inclusão no curso de formação. E no término deverá apresentar a CNH, OK?

      O ensino médio você faz rápido. Existem supletivos " à jato". Mas só procure se informar se o supletivo é credenciado ao MEC para não correr o risco de fazê-lo e descobrir depois que o mesmo não possui validade, beleza?

      DICA: com o nome da entidade e CNPJ do curso você acessa o site do MEC e verifica isso. Não confie na palavra do dono do curso. Palavra o vento leva....

      Portanto, priorize a situação do ensino médio. É requisito para realizar o curso. A CNH é requisito para posse no cargo.

      Saudações nobre combatente.

      Espero ter ajudado,

      CB DE OLIVEIRA

      Ser policial, é sobretudo uma razão de ser!

      Excluir
    2. Fiquei bastante feliz com a explicação e motivação, obrigado pelo esclarecimento . Lhe desejo tudo de bom !

      Minhas honras militares ao senhor !

      Obrigado .

      SD ASSUMPÇÃO

      Excluir
  9. E por gentileza, como eu consigo o mandado de segurança ?

    ResponderExcluir
  10. Bom dia Oliveira, sou policial a 4 anos e estou estudando para o CFO e queria saber como são os vencimentos quando eu entrar se vai ser de aluno oficial ou se continuo com o salario atual ?
    tenha um bom dia e fique com deus!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      Seus proventos serão o da sua graduação atual. Logo não haverá irredutibilidade de salário, beleza?
      Somente haverá mudança de rubrica se o provento de aluno oficial for superior ao seu (soldo de soldado).

      Abraço

      Excluir
  11. Bom dia CB Oliveira,

    esse ano realizei a prova para soldado pmerj (cfsd), consegui uma colocação boa com 26pts.

    O meu receio é a questão de idade, pois tenho 18 anos e tenho ouvido muitos comentários a respeito e tal fato.

    No edital está escrito que a idade mínima é de 18, porém falam que é impossível ingressar na pmerj com tal idade. Gostaria que o senhor tirasse—me essa dúvida.

    Creio que estão querendo eliminar concorrentes, mas notei sua transparência e gostaria de sua ajuda.
    Com 18 anos entro ou tem sim preconceitos?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia nobre visitante!

      O edital é claro: Idade mínima de 18 anos e máxima de 30 anos na data da matrícula.

      O edital é a lei do concurso. Não existe essa de discriminação ou coisa parecida.

      Cumprindo todos os requisitos e sendo aprovado em todas as etapas serás matriculado, sem smbra de dúvida.

      E vai treinando, pois a etapa física é muito puxada. 2400 metros em 12 minutos é um ritmo forte. Não deixe pra depois, beleza?

      Grande abraço,

      CB DE OLIVEIRA

      Excluir
  12. Bom dia, CB De oliveira sou CB também mas do EB tenho 7 anos de serviço gostaria de saber se o triênio ainda esta em vigor na PMERJ pois eu fui aprovado neste ultimo concurso para cfsd gostaria de saber se depois incorporado posso ter esse beneficio desde ja obrigado ótimo blog .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá nobre amigo!

      Sim. O triênio ainda continua em vigor na PMERJ. E os seus 7 anos de EB contam para inatividade, licença especial e advinhe: já entra com dois triênios em cima do soldo.

      Seja bem vindo, combatente.

      Abraço

      CB DE OLIVEIRA

      Excluir

"Quando o Estado abandona seus servidores, deixando-os à mercê do outro lado, é porque, muito provavelmente, o Estado está do outro lado"

Giovanni Falcone, Juiz italiano especializado em processos contra a máfia siciliana Cosa Nostra.

"Uma sociedade é livre na medida em que propicia o choque de opiniões e confronto de idéias. Desses choques e confrontos nasce a Justiça e a Verdade, garantido o progresso e auto-reforma dessa sociedade".

Stuart Mill

“A injustiça que se faz a um é uma ameaça que se faz a todos”.

Barão de Montesquieu

"Aqueles que planejam o mal acabarão mal, porém os que trabalham para o bem dos outros encontrarão a felicidade"

Provérbios 12.20